Festa de 15 anos: celebre sem estourar o orçamento

Com ou sem valsa, é preciso planejar bem o evento, para evitar que as economias da família acabem junto com a comemoração

A ocasião sempre foi recheada de muita pompa e circunstância. Num passado recente, as famílias faziam festas para apresentar suas filhas à sociedade, solenidade que também marcava o fim da infância da menina. Hoje, a tradição permanece, mas muito mais moderna –não há mais excessivas formalidades e as festas estão “com a cara” da aniversariante. “Algumas garotas abrem mão dos 15 casais e até mesmo da valsa. A tendência é fazer uma festa sob medida, de acordo com os gostos da debutante”, afirma a assessora de eventos Andrea Guimarães.

Com ou sem valsa, é preciso planejar bem o evento, para evitar que as economias da família acabem junto com a comemoração. E aí vão algumas dicas espertas!

Estabeleça prioridades
O primeiro passo é fazer um orçamento de tudo o que precisará ser comprado ou preparado pela família. É importante que vocês tenham uma ideia de quanto podem gastar com comida, bebida, decoração, música e lembrancinhas, antes de decidir os detalhes da festa. Se a verba estiver apertada, será preciso priorizar. “É possível investir mais nos itens que a família considera importantes e fazer adaptações, até que o valor total da comemoração esteja de acordo com a verba que os pais têm”, orienta Andrea Saladini, organizadora de eventos.

Escolha o local de acordo com a lista e com o seu bolso
Existem diversas opções de espaços para esse tipo de evento e é preciso achar um que se encaixe no seu orçamento. Vale um salão de festas, uma chácara, uma casa ou mesmo o salão do prédio. O mais importante é que o ambiente comporte todos os convidados e a decoração escolhida para a festa.

Leve em conta que menos é mais
Por falar em decoração, na hora de decidir o tema, o mais importante é soltar a criatividade e buscar algo que realmente tenha a ver com os interesses e os gostos da aniversariante. “É possível criar um cenário que tenha personalidade, com poucos elementos, para conseguir uma boa economia”, explica Andrea Saladini. Uma ideia da organizadora de eventos Tamara Barbosa é usar garrafas de vidro antigas como vasos. “Em grandes mercados, é possível achar flores lindas e baratas, que vão ajudar a compor um cenário marcante”, completa Andrea Guimarães.

Faça você mesmo
Contratar profissionais e empresas para prestar serviços pode sair muito caro. Então, se o objetivo é economizar, prepare você mesmo alguns itens, como os comes e bebes. Nessa hora, vale pedir ajuda para a família e os amigos mais próximos. “Os docinhos tradicionais podem ser trocados pelo brigadeiro delicioso de colher que só a avó sabe fazer, por exemplo. Um amigo que curte música pode ficar responsável pela playlist. Uma outra amiga, com habilidade para mexer no computador, pode criar um convite transado. E, em vez de contratar um bartender, os pais mesmo podem fazer sucos coloridos, com refrigerante de limão. Além de deliciosos, eles contribuem para dar um toque especial à decoração da festa”, ensina Tamara.

Intercâmbio

Em algumas famílias, os pais oferecem como alternativa para a festa de 15 anos uma viagem internacional. Pode ser que essa seja a primeira oportunidade do adolescente para viajar sem a companhia da família, seja para morar em uma casa de família, por algumas semanas, a fim de aprender um novo idioma ou mesmo com agência de turismo para visitar parques temáticos, por exemplo.

É possível ainda unir as duas opções. Alguns sites, como esse aqui, já disponibilizam uma plataforma de financiamento coletivo para a viagem do aniversariante. Ao realizar o convite para a comemoração, informe o endereço do site onde o convidado poderá dar sua contribuição e ajudar a financiar a viagem escolhida.

Leia também “Seu filho adolescente tem problemas para lidar com dinheiro? Veja algumas dicas”.

Tags: 15 anos aniversariante comemoração convidados festa orçamento viagem

Veja mais